Cuidado com os “vampiros eletrônicos” que sugam a energia de sua casa

Por Ana Nemes
Fonte: www.tecmundo.com.br/43928-Cuidado-com-os-vampiros-eletronicos-que-sugam-a-energia-de-sua-casa.htm

Aparelhos que não estejam ligados podem estar gastando energia elétrica mesmo assim. Fique de olho para que esse gasto não tenha um impacto tão grande na sua conta de luz.

Você sabia que, mesmo quando um aparelho eletrônico está desligado, ele ainda assim pode estar consumindo energia elétrica?

Os aparelhos que possuem visores com relógios e outras informações, como fornos de micro-ondas, estão constantemente ligados, apesar de não estarem operando a sua função principal.

Além disso, os eletrônicos que possuem controles remotos, ao serem desligados, apenas entram em um modo de espera, porém mantêm um mínimo das funções “em alerta” para poderem responder quando você quiser ligá-los usando o controle.

Esses equipamentos eletrônicos agem como “vampiros” de energia, gastando-a em locais que você não percebe imediatamente, mas que fazem diferença no final das contas. É claro que eles não chegam a ser os grandes vilões da conta de luz, mas, se você contar um ano inteiro de gastos, esse valor é maior do que deveria.

Mesmo desligados, aparelhos como TV e DVD continuam a gastar energia. (Fonte da imagem: Reprodução/Shutterstock)

Um estudo calculou que nos Estados Unidos uma família gasta em média 100 dólares por ano com esse tipo de consumo na conta de luz. Além disso, se você for pensar em uma escala maior, a quantidade de energia desperdiçada por dia no mundo com esses aparelhos é enorme — para que você tenha uma ideia, aproximadamente 5% da energia gasta nos Estados Unidos é fruto desse tipo de situação, de acordo com a Universidade da Califórnia, em Berkeley.

Desligados, mas nem tanto

Qualquer aparelho que possua um controle remoto, ao ser desligado, permanece apenas em stand-by, com os sensores e outros componentes (como o relógio interno, por exemplo) funcionando continuamente. Desta forma, mesmo que você veja televisão apenas uma ou duas vezes por semana, o seu aparelho de TV está continuamente ligado e gastando uma pequena quantidade de energia.

Um “vampiro eletrônico” que poucas pessoas se dão conta é o carregador de celular. É comum pensar que, se o telefone ou tablet não estiver conectado ao fio, você não está gastando energia elétrica, mas isso não é verdade. Qualquer carregador conectado o tempo inteiro na tomada está gastando energia, mesmo que em menor “volume” do que quando o aparelho está sendo recarregado.

Carregadores de bateria, mesmo que o gadget não esteja conectado, consomem constantemente. (Fonte da imagem: Reprodução/Shutterstock)

Isso não vale apenas para telefones e tablets: carregadores de bateria em geral, sejam baterias externas de câmeras, pilhas e até o carregador do notebook ficam constantemente consumindo energia mesmo que os aparelhos não estejam plugados ou que a bateria já esteja completamente carregada.

Como combater esse problema

A principal dica para combater esse tipo de gasto desnecessário é: desligue da tomada todos os eletrônicos que não estiverem sendo usados. Isso parece muito óbvio, mas poucas pessoas realmente aplicam essa regra em casa.

Muitos eletrônicos precisam ficar ligados o tempo inteiro, como a geladeira e o freezer. Outros, por praticidade, acabam ficando também, mas algumas soluções simples podem ajudá-lo a resolver isso. É o caso do conjunto da televisão, aparelho de DVD, video games e outros equipamentos que estejam ligados juntos na sala, por exemplo.

Use filtros de linha

Se você acha que não vale a pena retirar todos eles da tomada quando não estiver usando-os (ou, muitas vezes, o acesso físico é complicado), basta usar uma extensão com várias tomadas, popularmente chamada de filtro de linha, que tenha um botão para ligar e desligar a régua inteira de uma vez só — o mesmo pode ser feito com os carregadores dos seus dispositivos.

Filtros de linha permitem desligar todos os aparelhos da tomada de uma só vez. (Fonte da imagem: Reprodução)

Desta forma, ao deixar de usar esses aparelhos, basta apertar um único botão e todo o gasto desnecessário é eliminado. Aparelhos como o forno de micro-ondas e o rádio, por exemplo, podem muito bem ficar fora da tomada enquanto não estiverem sendo usados. São pequenas mudanças, aparentemente sem valor real, que vão trazer resultados ao longo do tempo.

Observe antes de comprar

Ao comprar um novo aparelho, fique sempre de olho no consumo de energia quando eles estiverem em stand-by, já que muitos equipamentos gastam mais quando estão no modo de espera do que seria necessário, por problemas de hardware ou mesmo falta de atenção do fabricante para isso.

Geralmente, aparelhos que possuem baixo consumo em stand-by indicam isso claramente para o consumidor, então fique atento para etiquetas ou indicações disso antes de escolher o seu eletrônico. TVs de plasma, dependendo do modelo, podem gastar por ano quase 200 reais enquanto estão no modo de espera.

Fique atento para o consumo de energia dos aparelhos antes de comprá-los. (Fonte da imagem: Reprodução/Shutterstock)

Outra dica que pode ser bem útil é retirar até o modem e o roteador da internet da tomada quando não estiver usando — por exemplo, ao sair de casa por períodos prolongados ou mesmo de noite. Quando for viajar, retire tudo da tomada, tanto para economizar quanto por segurança.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s