O que há de novo no Android 4.2?

(http://pcworld.uol.com.br/noticias/2012/12/04/o-que-ha-de-novo-no-android-4-2)
JR Raphael, PCWorld EUA
Não se deixe enganar pelo codinome “reciclado”: a mais recente versão do sistema operacional da Google traz vários recursos bastante interessantes. Conheça alguns deles.

Com o recente lançamento do smartphone Nexus 4 e do tablet Nexus 10, a Google também trouxe ao mercado uma nova versão do sistema operacional Android, a 4.2. Ela já está disponível em aparelhos como o Galaxy Nexus e o Nexus 7, e eventualmente chegará a outros tablets e smartphones, de acordo com o cronograma e estratégia de cada fabricante.

Esta é a segunda versão do sistema que leva o codinome “Jelly Bean”, o que sugere poucas mudanças em relação ao Android 4.1, lançado em junho deste ano. Mas na verdade há alguns novos recursos importantes, além de vários ajustes sutis. Veja abaixo quais as mudanças mais notáveis.

Suporte a múltiplos usuários

Talvez a mudança mais importante no Android 4.2 seja o suporte a múltiplos usuários (disponível apenas nos tablets). Você pode criar várias “contas” num aparelho, e alternar de uma para a outra rapidamente com alguns toques na tela.

android42_multiuser-360px.jpg
Você pode escolher o usuário na lockscreen

Este recurso torna muito mais fácil compartilhar um aparelho com os amigos e a família. Cada usuário tem sua própria tela inicial, aplicativos, papel de parede e configurações gerais. Dados pessoais como fotos, arquivos e e-mails, são inacessíveis aos outros usuários. A exceção são alguns ajustes básicos, como a configuração de Wi-Fi, que são universais e compartilhados por todos.

Nova interface para tablets com telas de 10”

No Android 4.2 a interface em aparelhos com telas de 10”, como o novo tablet Nexus 10, ganha um visual completamente diferente. Ela se assemelha à interface dos smartphones, com uma barra de status e notificação no topo da tela e uma dock com favoritos e acesso à lista de aplicativos no rodapé.

O objetivo da Google é criar uma experiência de uso mais consistente entre os vários tipos de aparelhos. A transição de um smartphone ou tablet com tela de 7” para um tablet com tela de 10” agora é mais natural, e não há praticamente nenhuma curva de aprendizado.

android42_tabletui-360px.jpg
A interface nos tablets com telas de 10" está mais próxima da dos smartphones

Minha única reclamação é que os botões do sistema são centralizados horizontalmente, o que faz sentido em um smartphone ou tablet menor, mas os torna difíceis de alcançar em aparelhos com telas maiores quando usados em modo paisagem.

Ajustes rápidos

Já há utilitários de terceiros que permitem adicionar painéis de “ajustes rápidos” à interface do Android, mas agora a Google transformou este recurso em algo nativo no sistema. O painel de ajustes rápidos integrado ao Android 4.2 permite controlar as interfaces Wi-Fi e Bluetooth, verificar o nível da bateria, ajustar o brilho e rotação da tela e mais.

android42_quicksettings-360px.jpg
Ajustes rápidos estão disponíveis em qualquer parte do sistema

Nos smartphones o painel é acessado através de um link na área de notificação, ou então deslizando dois dedos a partir do topo da tela. Já nos tablets basta deslizar um dedo do topo para o centro da tela: se você começar o gesto na metade esquerda da tela, verá o tradicional painel de notificações. Se começar na metade direita, verá o novo painel de ajustes.

Photo Sphere

Um dos recursos mais interessantes do Android 4.2 é o que a Google chama de “Photo Sphere”: é uma evolução do recurso de fotos panorâmicas do Android 4.0, que permite criar imagens em 360 graus de um local. Como no Google Street View.

Basta seguir as instruções na tela para tirar as fotos, que são automaticamente combinadas em uma “esfera” com seu ponto de vista ao centro. O resultado é um cenário interativo: você pode olhar para a esquerda, direita, para o céu ou para o chão e aproximar e afastar partes da imagem. Parece coisa de um filme de ficção científica, como Blade Runner.

android42_photosphere-360px.jpg
Sistema auxilia, passo a passo, na criação de uma Photo Sphere

Devido à sua natureza interativa, as Photo Spheres só podem ser vistas na web, via Street View ou Google+, ou em um smartphone Android. Dê uma olhada em alguns exemplos compartilhados pelo brasileiro Hugo Barra, diretor de desenvolvimento de produtos Android na Google, para ver como elas funcionam.

Novo app de câmera

No Android 4.2 a interface da câmera foi redesenhada de forma minimalista. Não há botões ou painéis de ajustes na tela: em vez disso um “anel” surge onde você toca, e todos os comandos são selecionados em um menu circular ao redor dele, incluindo opções para mudar o modo de cena, alternar entre a câmera frontal e a traseira, ajustar o flash, exposição ou balanço de branco e mais.

android42_camera-360px.jpg
Nova câmera: opções ao redor de um círculo, relativas ao toque

Você também pode deslizar um dedo para a esquerda para ir diretamente à galeria e ver as fotos mais recentes. Com mais alguns toques é possível editar as imagens, usando uma série de filtros integrados, e compartilhá-las no serviço que você quiser.

Segurança integrada

O Android 4.2 inclui um novo sistema de segurança que analisa em tempo real os aplicativos em seu aparelho. Se habilitado, ele irá procurar por código malicioso ou potencialmente nocivo sempre que um app for instalado, e alertá-lo se houver motivo para preocupação.

Este recurso só analisa os aplicativos instalados manualmente, como um .APK que você baixou do site do desenvolvedor. Os aplicativos do Google Play já são automaticamente analisados e avaliados no próprio servidor faz algum tempo.

android42_verifyapps-360px.jpg
Novo sistema de segurança analisa os aplicativos de terceiros antes de instalá-los

O sistema de segurança também fica de olho em atividade suspeita por parte dos aplicativos já instalados: se um deles tentar enviar uma mensagem de texto que resultará em alguma cobrança, como mensagens para números “premium” geralmente usados por criminosos para roubar seu dinheiro, você será avisado e terá de aprovar o envio.

Widgets na Lock Screen

Este é um recurso há muito esperado: a capacidade de ter widgets mostrando informações fresquinhas logo na sua lock screen, sem que você tenha que desbloquear a tela ou abrir qualquer aplicativo.

São cinco opções: calendário, relógio, Gmail, mensagens e “Sound Search” (para identificar músicas). Cada widget vive em seu próprio painel, e para alternar entre eles basta deslizar os dedos sobre a tela.

android42_lockwidget-360px.jpg
É possível ter notícias, a previsão do tempo e até identificar músicas na lockscreen

A lock screen do Android 4.2 também dá acesso rápido à Camera e ao assistente pessoal Google Now. E desenvolvedores podem criar seus próprios widgets, portanto mais opções devem estar disponíveis em breve.

Digitação com gestos

O novo e aprimorado teclado virtual do Android 4.2 traz nativamente um recurso chamado de “gesture typing”, similar a um teclado virtual chamado Swype, encontrado em aparelhos de vários fabricantes: em vez de tocar nas letras para digitar, você desliza o dedo sobre a tela, traçando um caminho de uma letra para outra. O software analisa as letras pelas quais você passa, calcula probabilidades e sugere palavras antes mesmo de você completá-las, economizando tempo na digitação.

android42_gesturetyping-360px.jpg
Gesture Typing é similar ao popular teclado Swype

Se quiser, você também pode usar o teclado do “jeito antigo”. Ou, se não estiver satisfeito com ele, substituí-lo por alternativas como o próprio Swype, o SwiftKey ou o TouchPal.

Melhorias no GMail

O GMail ganhou melhorias pequenas, mas há muito necessárias. Entre elas a opção de reformatar automaticamente uma mensagem para que se ajuste à largura da tela, e zoom com um gesto de pinça para afastar ou aproximar texto e imagens.

android42_gmail-360px.jpg
Agora é possível usar gestos para arquivar ou descartar mensagens no GMail, sem abrí-las

Há outras mudanças que tornam o app mais amigável: é possível deslizar os dedos para a esquerda, ou para a direita, sobre uma mensagem para arquivá-la ou descartá-la sem sair da caixa de entrada.

Proteção de tela

Protetores de tela não são algo que normalmente mereça muita atenção, mas se você deixa seu aparelho parado e recarregando sobre uma mesa o dia inteiro, podem ser interessantes.

android42_daydream-360px.jpg
Modo "Daydream" exibe fotos, notícias e animações quando o aparelho está parado

O modo “Daydream” permite substituir a tela preta por uma variedade de animações que serão mostradas quando seu aparelho estiver conectado a uma dock, carregando ou ambos. As opções incluem um relógio flutuante, cores, notícias mais recentes e algumas animações com suas fotos.

Assim como nas widgets para a lockscreen, os desenvolvedores poderão criar seus próprios protetores de tela, então deveremos ver mais opções em breve.

Miracast

Esqueça o cabo HDMI: o Android 4.2 tem suporte ao padrão Miracast, que permite a transmissão de áudio e vídeo para uma TV de alta definição sem usar fio algum. Mas no momento os usos desta tecnologia são limitados: em primeiro lugar porque ele depende de hardware, e por enquanto o único aparelho onde ela está presente é o Nexus 4.

android42_miracast-360px.jpg
Miracast permite espelhar o conteúdo do smartphone ou tablet na TV, sem fios

E em segundo lugar porque há poucos adaptadores Miracast para TVs, e eles tendem a ser baseados em uma versão preliminar do padrão e incompatíveis com o hardware atual. A Google espera que mais adaptadores, bem como TVs com Miracast já integrado, cheguem ao mercado ao longo do próximo ano.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s