Compartilhar uma conexão via rádio na rede interna

Autor: José Antônio Nunes de Morais <janunesde at gmail.com>

Configurando o servidor Linux

O primeiro passo é ter o acesso a internet neste computador, no meu caso utilizo a internet via rádio.

O sistema operacional que estou utilizando é o Slackware 13.0 64 bits, mas utilizava também o Slackware GNU/Linux 12.2.

Bom, minha internet via rádio utiliza uma placa que conecta o cabo da
antena direto nela (placa de rádio Ralink, cujo driver é identificado
como "RT2561 ou RT61"). O mesmo computador também possui uma placa de
rede normal.

Como eu disse, a placa de acesso a internet é a Ralink, cujo device de
identificação nos Slackware 12.2 e 13.0 são identificadas como wlan0.

A placa rede é identificada como sendo eth0.

O IP é variável, obtido via DHCP.

A autenticação no provedor é feita via browser.

Para fazer o compartilhamento no servidor eu utilizo o iptables da seguinte forma:

# Ativar a rede
ifconfig eth0 192.168.0.1 up
echo ""
echo "Rede carregada com sucesso!"
echo ""
# final da ativação.
#
# Compartilhar a internet via cabo crossover
iptables -F
iptables -F INPUT
iptables -F OUTPUT
iptables -F POSTROUTING -t nat
iptables -F PREROUTING -t nat
echo 1 > /proc/sys/net/ipv4/ip_forward
iptables -P FORWARD ACCEPT
iptables -A POSTROUTING -t nat -s 192.168.0.0/24 -o wlan0 -j MASQUERADE
echo ""
echo "Internet compartilhada com sucesso!"
echo ""
echo ""

Lembrando que o IP do servidor é o 192.168.0.1.

Para ativar tudo eu estou utilizando um script chamado net1. Para criar o script com o nome que você quiser faça o seguinte.

Utilize um editor tipo, vi, vim ou mcedit, para demonstrar vou utilizar o mcedit da seguinte forma:

# mcedit /compart_net

# Ativar a rede
ifconfig eth0 192.168.0.1 up
echo ""
echo "Rede carregada com sucesso!"
echo ""
# final da ativação.
#
# Compartilhar a internet via cabo crossover
iptables -F
iptables -F INPUT
iptables -F OUTPUT
iptables -F POSTROUTING -t nat
iptables -F PREROUTING -t nat
echo 1 > /proc/sys/net/ipv4/ip_forward
iptables -P FORWARD ACCEPT
iptables -A POSTROUTING -t nat -s 192.168.0.0/24 -o wlan0 -j MASQUERADE
echo ""
echo "Internet compartilhada com sucesso!"
echo ""
echo ""

F10 para sair.

Para gerar o script:

chmod +x /nomedoarquivo

No caso:

# chmod +x /compart_net

Para executá-lo:

# ./compart_net

Pronto, tudo ok com servidor! Vamos para o cliente.

Configurando o cliente Windows XP e depois Linux

Como está tudo ok com o servidor, agora vamos configurar o cliente XP.

Compartilhando no Windows XP (cliente)

Vá ao Painel de Controle
e escolha "Conexão de rede", clique no botão direito e escolha
propriedades ou vá ao menu arquivo e escolha propriedades.

Na caixa Propriedade da Conexão escolha "Protocolo TCP/IP"
marcado com V e escolha novamente propriedades – na caixa "Propriedade
do Protocolo TCP/IP" clique em "Usar o seguinte endereço de IP", em
"Endereço IP" coloque o IP da maquina cliente, no meu caso 192.168.0.2,
este é o IP do cliente, no seu caso coloque o que você quiser ou tiver
da sequência.

192.168.0.x máscara de subrede 255.255.255.0

Gateway padrão é o IP do seu roteador de internet, no meu caso o IP é o 10.3.3.14.

No DNS preferencial, 192.168.0.1, que é o IP do servidor.

No DNS secundário, 10.3.3.1, que é o gateway do meu provedor de internet.

Compartilhar no Linux (cliente)

Vá ao menu Configurações -> Internet & rede -> Configurações de rede e escolha a guia "rota".

Gateway padrão – 192.168.0.1

Dispositivo: eth0

Ou se preferir configurar via linha de comando:

# ifconfig eth0 192.168.0.2 up

Editar o arquivo /etc/resolv.conf. Vamos utilizar o mcedit, mas você pode utilizar o vi, vim ou outro editor de texto do tipo binário.

# mcedit /etc/resolv.conf

nameserver 170.180.190.1
nameserver 200.162.120.15
nameserver 10.3.3.1

F10 para salvar e sair.

No caso do resolv.conf, os valores da segunda coluna são os respectivos
servidores DNS primário, secundário e terciário, nesta ordem. Só o
primário já é o suficiente. Você pode usar o DNS de sua rede, provedor
ou até mesmo algum público da internet.

Nota: No meu caso o meu provedor via rádio utiliza IP dinâmico
(semi dinâmico digamos assim), se o seu for fixo, melhor. Outra coisa,
substitua os valores do seu provedor nos locais onde eu coloquei os
dados do meu.


http://www.vivaolinux.com.br/artigo/compartilhar-uma-conexao-via-radio-na-rede-interna

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s